sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

Tip #27 - Nem TO nem ING

Há um tempo eu venho escrevendo algumas "tips" sobre os usos de "To" e "ING" nos verbos em inglês. E caso você não tenha lido, sugiro que leia as partes 1 (aqui), 2 (aqui) e 3 (aqui), antes de ler esta postagem inteira.
E caso você já tenha lido essas postagens, vou fazer um resuminho aqui rápido:

Aprendemos na parte 1 que:

Na maioria dos casos, usamos exclusivamente "To" para que o verbo fique no infinitivo. Exemplo:

I want to sing (Eu quero cantar)

Como "cantar" está no infinitivo, o verbo "want" exige o uso do "to". O mesmo acontece com:

I need to work (Eu preciso trabalhar)
I have to drive (Eu tenho que dirigir)


Aprendemos na parte 2 que:

Com verbos, como "love", tanto faz se você usa o "to" ou o "ing" no verbo seguinte, pois o significado é o mesmo. Exemplos:

I love to sing (Eu amo cantar)
I love singing (Eu amo cantar)

Outro verbo que permite isso é o "like":

I like to cook (Eu gosto de cozinhar)
I like cooking (Eu gosto de cozinhar)

Aprendemos na parte 3 que:

Em alguns casos, fazemos uso exclusivamente do "ing" para que o verbo fique no infinitivo. Exemplo:

I don't mind driving at night (Eu não me incomodo de dirigir à noite)

Outro verbo que permite esse formato é o "avoid"

I avoid talking to him (Eu evito falar com ele)


Desculpa recapitular isso tudo, mas precisava lembrar vocês do que se tratavam essas postagens.
Entendido isso, vamos hoje aos verbos que simplesmente dispensam o uso do "TO" e do "ING".


Make

Tem como significado principal o verbo "fazer". Exemplo:

- I like you because you make me laugh.
(Eu gosto de vocês porque vocês me fazem rir)

Neste caso, ficaria errado dizer "you make me to laugh" ou "you make me laughing". Nem "to" nem "ing", apenas "laugh".

Outros exemplos:

- This makes me feel sad (Isso me faz me sentir triste)
- Make her tell the truth! (Faça ela dizer a verdade!)
- You make me cry (Você me faz chorar


Let

Esse é outro verbo que é utilizado do mesmo modo que o "make". E o significado de "Let" é "deixar" ou "permitir".

- He doesn't let me go 
(Ele não me deixa ir)

Novamente, estaria completamente errado dizer "he doesn't let me to go" ou "he doesn't let me going". Apenas "go" é o correto. 

Outros exemplos:

- Let me talk to him (Deixe-me falar com ele)
- Let her stay (Deixe ela ficar)
- I'll let you speak (Eu deixarei você falar)


Com exceção dos verbos modais (que explicarei futuramente), são apenas esses 2 verbos que permitem esse tipo de uso. Espero não ter esquecido de nenhum.
E espero também que você tenha entendido. O uso do "TO" e "ING" não acaba por aqui, mas por hoje é isso, galera. 
Se ficou com alguma dúvida, deixe um comentário abaixo e ficarei muito feliz em ajudar.

See ya!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...